sábado, 1 de outubro de 1983

Restaurante ITA (1953)



Em 2006, quando voltei a trabalhar no centro, fomos almoçar num tal de "Portuga", onde de sexta-feira era servido um conhecido bacalhau. Descemos a Dom José de Barros, passamos na esquina com a São João, onde um churrsaco grego fervilhava ao lado do tradicional Ponto Chic. Entramos numa ruela e em poucos passos estávamos no botequim. Do balcão, decifrei o cardápio do dia que estava escrito numa lousa azul.

Seis anos se passaram e decidi voltar lá afim de relembrar aquele pequeno lugar - não por acaso, numa sexta-feira. Para minha satisfação, nada havia mudado. A estranha tipologia do cardápio no espelho e na lousa azul, o mesmo atendente atrás do velho balcão.

Percebi ao fundo uma discreta fotografia pendurada que me permitiu ter uma idéia do passado remoto. Fundado por volta de 1953, o lugar chegava a fechar depois da meia-noite até a década de 80. Três sobreviventes ganchos na parede me fizeram imaginar décadas passadas, os paletós ou chapéus pendurados atrás de cada banco. Reparei nas paredes preenchidas pelos azulejos, testemunhos de tantas conversas, bebedeiras e discussões que ali teriam acontecido antes do horário do último bonde.

Pedi o mesmo bacalhau à portuguesa e fui lembrado do creme de alho regado no azeite que vem de acompanhamento. Detalhe importante ao lado da tradição e fama de preço honesto. Assim, como na primeira vez, o aglomerando de pessoas na calçada ia aumentando, a espera por um lugar naquele disputado balcão.
 

Paroles I & II



Intérieur I-III



Scènes I-III

Rua do Boticário 31, Largo do Paissandu.

Aos sócios João Pedro, Luis e Vitor meus agradecimentos. Que este pequeno lugar continue sendo uma valiosa tradição para São Paulo, não tomando o mesmo rumo de outros botequins históricos do centro, excessivamente modernizados e descaracterizados.

Um comentário:

  1. Parabéns pelo seu post e por manter viva a memória dos antigos estabelecimentos de São Paulo.
    Vou ao Ita pelo menos uma vez por semana e tenho a mesma sensação que voce.

    Tenho um blog e farei uma postagem a respeito deles em breve.

    Caso tenha interesse, fica o link.

    https://passaportegastronomico.wordpress.com/tag/passaporte-gastronomico/

    ResponderExcluir